Como conseguimos garantir que compramos o que é necessário vs o que é mais "barato"?

Qualquer compra é feita em articulação direta com as entidades públicas responsáveis de forma a assegurar que não se amplifica o efeito "concorrência". No entanto, em época de crise naturalmente os preços irão variar muito, sendo que nos comprometemos a tentar encontrar o produto qualidade/preço mais justo. A dificuldade atual tem sido encontrar fornecedores com stocks disponíveis, pelo que os custos poderão ser superior aos normais, para garantir a rapidez da compra.